Mental Coaching - O Treino Escondido

  • imagem ilustrativa

Todos os atletas procuram atingir objectivos, obter resultados. Naturalmente, estes são variáveis de atleta para atleta, de acordo com o seu nível ou contexto competitivo. Uns poderão competir para vencer uma competição, outros para melhorar ou atingir determinada marca e outros para se superarem.

Para tal, o treino não deve ser descurado, seja ele físico ou mental. Ambos irão contribuir para que os resultados pretendidos apareçam. E é por isso que, para se ter bons resultados, se recorre a treinadores para a parte física e a Mental Coaches para a parte mental.

Sendo o objectivo do treino mental a preparação da competição, o trabalho de Coaching é mais abrangente e permite a evolução da pessoa e não só do atleta. É por isso que, o que se pretende, é dar ao atleta ferramentas que o permitam estar preparado para as várias situações com que se possa deparar. Mais, é importante que o atleta não esteja dependente do Mental Coach para preparar a prova, apesar de, naturalmente, quando a preparação é realizada com um técnico profissional, ser mais completa.

Tomemos como exemplos o Luís Costa, que recentemente conquistou a 1ª medalha de Portugal num Campeonato do Mundo de Paraciclismo com um 3º lugar no contrarrelógio e ainda um 4º lugar na prova de fundo, e o Miguel Carneiro, primeiro atleta nacional a completar um Triplo "IronMan". Em ambos os casos, as provas foram realizadas fora do país o que, só por si, acaba por impossibilitar um acompanhamento individualizado aos atletas.

Num dos casos, por impedimentos vários, não foi possível preparar esta competição específica. No entanto, fruto do acompanhamento realizado ao longo do tempo, o atleta está preparado para realizar a sua preparação, não ficando dependente do seu Mental Coach. Não é tão completa mas é realizada, e isso é que realmente importa.

No outro caso, a preparação da prova foi feita e bem-feita. No entanto, quando o atleta chegou ao local da prova, chovia e fazia frio. Sendo uma situação imprevista, a prova não foi trabalhada dessa forma. Apesar disso, o atleta teve a capacidade de se adaptar às circunstâncias, em vez de se focar nessa alteração como negativa.

Para que os atletas tenham esta capacidade de adaptação é necessário que alguns factores estejam presentes. Um deles é, claro, a característica inata de cada atleta – umas pessoas têm mais capacidade para tal do que outras. Outro factor importante é ter um Mental Coach que ajude a potenciar isso mesmo, com enfoque na autoconfiança do atleta. Um outro, e talvez dos mais importantes, é a disponibilidade do atleta para realizar o trabalho de Mental Coaching.

É a conjugação destes factores que permite que o atleta melhore também esta capacidade. Sem estes factores, dificilmente o trabalho dá resultado. O Luís e o Miguel são "apenas" dois exemplos. Muitos outros poderiam ser aqui referidos, felizmente.

 

Mais informação?

O Sports Hypno Coach é destinado a todos os atletas, independentemente da idade ou nível competitivo, praticantes de desportos individuais ou coletivos, que pretendam melhorar o seu desempenho desportivo.
Se tem uma Equipa, contacte-nos para obter um orçamento.